Expresso Adoração

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2016

Ministério Avivah Maranata


Tu és a minha luz
A minha salvação
E a Ti me renderei
Se ao teu lado estou
Seguro em Tuas mãos
Eu nada temerei

Ôô ôô ôô
Tu és Santo ó Senhor
Ôô ôô ôô
Tu és digno de louvor

Só em Ti confiarei!
Eu nada temerei!
Em frente eu irei!
Pois eu sei que vivo estás!
E um dia voltarás do céu pra nos buscar
Para sempre Reinarás, aleluia!

Tu és a minha luz
A minha salvação
E a Ti me renderei
Se ao teu lado estou
Seguro em tuas mãos
Eu nada temerei!

Ôô, ôô, ôô
Tu és Santo ó Senhor!
Ôô, ôô, ôô
Tu és digno de louvor!

Só em Ti confiarei!
Eu nada temerei!
Em frente eu irei!
Pois eu sei que Vivo estás!
E um dia voltarás do céu pra nos buscar.
Pra sempre reinarás, aleluia

Vem Jesus!
Vem Jesus!
Maranata ora vem Senhor Jesus

Maranata Hora Vem Senhor Jesus, temos que declarar essa verdade. Ele está as portas para nós levar para os céus de Glória. Que lindo será esse dia. Ministério Avivah eu conheci através do face book do Pr Marco Feliciano. E essa canção me levou á um nivél de adoração que  confrontou em muitas coisas que estavam fora do lugar em mim. Algo que não estava alinhado. Passei a perceber que devemos cantar, louvar, ministrar sobre a volta de Jesus. Maranata hora vem...vem..vem...SENHOR JESUS


UMA NAÇÃO SOB JUÍZO...


O Pr. Márcio Valadão, da Batista da Lagoinha, leu este texto na íntegra pela manhã no culto e a igreja foi impactada de tal forma, que as lágrimas de arrependimento pela nação brasileira foram inevitáveis!



Nós estamos, claramente, passando por um tempo de juízo no Brasil. A derrocada da nossa economia, a violência crescente, as catástrofes naturais sem precedentes, as pragas manifestadas por epidemias e doenças que há pouco tempo nem se conhecia e tantas outras realidades que afetam tragicamente a vida dos brasileiros hoje, não são apenas uma infeliz coincidência. Deus está açoitando uma nação que não reconheceu o tempo da sua visitação e desprezou a graça que lhe tem sido oferecida.
Que o Espírito foi derramado sobre o Brasil, ninguém pode negar. Nas últimas décadas vimos muitas manifestações do seu agir, produzindo movimentos sobrenaturais e abrindo portas amplas à pregação do evangelho. Profetas e mais profetas se levantaram aqui e vieram de outras nações para soprar fôlego de vida sobre nossa nação. O que fizemos, porém, com tudo isso?
O Brasil dos quarenta milhões de evangélicos de hoje é mais podre e mais corrupto do que o de ontem, que tinha menos crentes. Estamos vendo as entranhas da nossa classe política e empresarial sendo expostas com sua vergonha pela Justiça, mas isso é só uma tênue amostra do que, de fato, é a ética e a moral do nosso povo. Sim, do nosso povo, pois a desonestidade indecente não é marca apenas dos políticos, mas de grande parte de nossa população, incluindo, pobres e ricos, cultos e indoutos, descrentes e... Evangélicos! Infelizmente, professar a fé em Jesus não denota mais o compromisso de and
ar como Ele andou.
Eu gostaria de dizer outra coisa, mas minha percepção profética não permite. Nossos próximos anos não serão fáceis. De uma forma geral, as coisas vão piorar. Não falo apenas de economia (pois para isso, não é necessário ser profeta), mas de tragédias que abalarão as estruturas da nossa nação. Guardem o que estou dizendo. Povos de outras línguas comerão o nosso pão e rirão do nosso luto. Falo em nome do Senhor!
 Uma leitura de Jeremias 5 pode nos ajudar a enxergar o Brasil de hoje como Deus enxerga. Recebi esse texto de uma jovem, durante um tempo de oração, e entendi perfeitamente o recado de Deus. Sua vara fustigará os nossos lombos. Até quando? Até que sejamos quebrantados, como nação.
Historicamente, quando Deus envia juízo, Ele encontra um remanescente que o busque e que aplaque a sua ira. Que façamos parte disso! Permanecer fiéis não nos livrará completamente das dores da disciplina, mas nos dará a força que precisamos para resistir e a oportunidade para sermos testemunho e voz profética no meio do caos.
Temos que nos arrepender! O altar tem sido profanado nesta nação e a oferta do Senhor, desprezada. Se é verdade que milhões e milhões lotam os templos, é verdade também que uma grande parte aí está servindo a Mamon, cultivando sua velha ganância, buscando o brilho da prata, só que agora “em nome de Jesus”. Pior, isso inclui uma parte considerável da classe pastoral.
Temos que nos arrepender da feitiçaria, não somente daquela que é feita nos terreiros e encruzilhadas, mas da que é praticada nos altares evangélicos. Chega a ser absurda a superticiosidade e o sincretismo maligno fomentados por uma legião enorme de falsos mestres e falsos profetas, que se multiplicam como ratos. A venda de objetos e rituais com supostos poderes miraculosos mistura o comércio com o engodo na Casa de Deus. Outro dia, assisti um vídeo em que pastores de uma das maiores denominações do Brasil desciam a uma mina de ouro para buscar a “água da prosperidade”, para ser distribuída (ou vendida) aos fiéis que, certamente, ávidos pelo apelo das riquezas mundanas, nem se dariam ao trabalho de julgar o desvio teológico e de perceber o ridículo a que seriam induzidos.
Uma liderança “cristã” que ilude seu povo com águas da prosperidade, rosas sagradas e lascas da cruz não é melhor que os pais de santo, que fazem o mesmo em seus terreiros. Na verdade, é pior... E que diferença há entre um esotérico que confia no seu patuá e um crente que, ao invés de colocar sua fé em Jesus, recebe um “amuleto gospel” do seu pastor e o pendura em casa, como fonte de proteção? Nenhuma!
Temos que nos arrepender da idolatria, não só da que se pratica em procissões e templos consagrados a entidades mortas, supostos “santos”, que têm boca, mas não podem falar. Há também idolatria às personalidades humanas nas igrejas protestantes, com líderes e artistas sendo alçados pelo povo à categoria de “semi-deuses”, acima do bem e do mal, muitos deles com um testemunho tão sujo que não mereceriam admiração nem nos antros do mundo.
Como Deus não visitaria com juízo uma nação que, tendo sido apresentada ao evangelho, segue expondo sua imoralidade a céu aberto, nos carnavais e marchas gays da vida? Nossos governos erotizam crianças em escolas públicas, com materiais pornográficos e nossas leis dizem “bem-vindo” ao homossexualismo e toda forma de perversão sexual. Mas será que esse espírito não está livre para atuar também nas casas das famílias brasileiras e em muitos espaços da própria igreja? Pornografia, adultério, pedofilia, prostituição e pederastia não mancham também os altares? O que dizer dos pastores e personalidades “gospel” que estão no segundo ou terceiro casamento, sem argumentos bíblicos que lhes desse tal direito; ou dos que usam o seu feitiço travestido de “unção” para seduzir ovelhas aos matadouros da imoralidade?
Não estou falando de uma nação ignorante. O evangelho foi apresentado ao Brasil. Muitos dos que afrontam a santidade de Deus, ou estão na igreja, ou passaram por ela e decidiram voltar ao chiqueiro do mundo. A maioria absoluta já, ao menos, ouviu a Palavra ou teve oportunidade de fazê-lo e não quis. Portanto, somos indesculpáveis.
Se Jesus proclamou juízo sobre a cidade onde viveu, dizendo: “Tu, Cafarnaum, elevar-te-ás, porventura, até ao céu? Descerás até ao inferno; porque, se em Sodoma se tivessem operado os milagres que em ti se fizeram, teria ela permanecido até ao dia de hoje”; se Ele chorou sobre Jerusalém, lamentando o fato de que seus filhos seriam entregues à espada, já que ela não reconheceu o tempo da sua visitação (conf. Lucas 19:41-44), porque seríamos nós poupados, tendo desdenhado tanto da Verdade, como nação?
Obviamente, no meio de tudo isso há um povo fiel, um remanescente que teme ao Senhor e respeita a sua Palavra. Como nos dias de Elias, enquanto Israel era fustigado com a seca e a fome, sete mil joelhos recusavam curvar-se diante de Baal; como no cativeiro babilônico Deus encontrou Daniel, Ananias, Mizael e Azarias, entre outros, para manter a honra do altar, há muitos crentes e igrejas hoje que, remando contra a maré, permanecem na Verdade. Que nos esforcemos para fazer parte desse remanescente, pois é dele que pode brotar de novo a misericórdia.
Os próximos anos não serão fáceis, fique você avisado disso. A vara de Deus sobre os lombos do Brasil já começou a arder e será pesada. Não é mero castigo, mas a disciplina de um Pai que quer essa nação de volta. Ele é justo em fazê-lo, não questione. Apenas disponha-se a ser um argumento que aplaque a sua ira, a permanecer como uma testemunha fiel no meio das trevas, a chamar pessoas para viverem o verdadeiro evangelho e a interceder, como legítimo sacerdote, para que a justiça e a genuína fé cristã possam, de fato, voltar a prosperar.
Não me entenda mal, eu lhe peço. Eu não sou um irresponsável, unindo-me a Satanás para acusar a igreja. Sou parte dela. Eu a amo! Sinto vergonha dos seus pecados, porque eles são meus também. Quero me unir ao Espírito e gemer por ela. Quero ser um argumento para que a esperança e a fé verdadeira, comprometida com a Palavra, não se apaguem de vez nesta nação. Ao contrário, que se multipliquem, até que possamos virar esse jogo e ver o Senhor recolhendo a vara da punição.
Por favor, junte-se a mim nesta busca! Os próximos anos não serão fáceis para nós, mas há um caminho: “Se o meu povo, que por mim se chama, se humilhar, e orar, e buscar a minha face, e se converter dos seus maus caminhos, eu ouvirei do céu, e sararei a sua terra."
É... Meus amados quem tem ouvidos ouça, o que o Espírito diz a Igreja. Não é por falta de aviso. Que Deus derrame sobre os remanescentes uma unção e força para levantarmos  como Atalaia nesta terra. Que os Altares dedicados a Mámon sejam derribados em nome de JESUS.
Texto adaptado por Expresso Mineiro.

Ritimo do carnaval de 2016, ganha Versão Gospél!!


 – A igreja evangélica brasileira há duas décadas era conhecida por ser diferente. Seus ritmos sacros que predominavam nas músicas gospel eram na época uma das formas de adoração a Deus.

Depois de 186O conceito de adoração mudou com o passar do tempo e em meados do ano 2000, surgiu para o Brasil e para o mundo o conjunto musical Diante do Trono que introduziria um novo estilo musical gospel no meio cristão.
Com o passar do tempo, novos cantores surgiram e começaram a mudar drasticamente o cenário da musica gospel. Milhões e milhões de discos foram vendidos e o estilo musical gospel, saiu dos templos e passou a conquistar adeptos até mesmo fora das igrejas.

Uma bênção na visão de muitos, porém na visão de outros a perda de identidade cristã ao ver ritmos gospel se assemelhando a músicas seculares.

Um dos ritmos do carnaval 2016 foi a música “Metralhadora”, que fez com que várias pessoas entrassem no ritmo musical que tem arrastado milhões de pessoas.

O que não podia se imaginar era que uma versão “gospel” da música fosse lançada dentro das igrejas, e o ritmo tem conquistado até mesmo os evangélicos.

Infelizmente a realidade da musica gospel de hoje, e que ela não influenciam são influenciados. Temos a maior fonte de inspiração para compor belos hinos como outrora. Porque hoje estamos fazendo versão do mundo? Simplesmente porque não estamos preocupados em Adorar a Deus, mas sim em agradar multidões, fazer a vontade da nossa carne. O verdadeiro intuito é de se promover, arrancar aplausos aparecer nas redes sociais, conseguir milhões de acessos, curtidas compartilhamento.

Lembro que no meu tempo de adolescente. Quando ouvia os ministros dizerem em suas ministrações que o Senhor está à procura de verdadeiros Adoradores. Essa de fato é uma profecia para os dias de hoje. Será que estamos em uma triste escassez de Adoradores?

Assistam ao vídeo e deixem suas opiniões.

Texto: Andre Santos Adaptado por Expresso Mineiro

terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

15 TIPOS DE PESSOAS QUE VÃO PARA O INFERNO!!

Portanto, se uma pessoa morrer estando ainda vivendo nessa situação, irá para o inferno independentemente se fizeram coisas boas em outras áreas na vida ou não.






Deus AMA e quer salvar o pecador de um modo geral, mas Ele ODEIA e ABOMINA certos tipos de práticas... e pessoas que praticam esses atos sem nunca se arrependerem de coração, não serão considerados filhos de Deus e irão para o Inferno quando morrerem.

Veja o que 2 textos bíblicos falam à respeito:

"Quem vencer, herdará todas as coisas; e eu serei seu Deus, e ele será meu filho.
Mas, quanto aos tímidos, e aos incrédulos, e aos abomináveis, e aos homicidas, e aos que adulteram, e aos feiticeiros, e aos idólatras e a todos os mentirosos, a sua parte será no lago que arde com fogo e enxofre; o que é a segunda morte."
Apocalipse 21:7,8

Vamos entender melhor o que Deus está dizendo:

Os TÍMIDOS: os tímidos que Deus refere são os que têm vergonha da palavra de Deus, vergonha da Bíblia, vergonha de ir na igreja e assumir um compromisso sério com Deus. Vergonha do que os outros irão pensar... Teme deboches e represálias de amigos e familiares... e por isso Deus disse que irão para o inferno. Pode até ser uma boa pessoa, frequentar a igreja... mas se não assumir isso na sua vida e colocar em prática em detrimento do que outras pessoas irão dizer ou pensar, não entrará no céu com Deus.
Os INCRÉDULOS: são os Ateus que abertamente se recusam a acreditar em Deus e na bíblia.
Debocham, criticam, duvidam e não levam a sério as coisas de Deus. Escutam falar de Deus, de Jesus, da bíblia... e acham que é bobagem, que é tudo lenda.
A bília diz que essas pessoas, quando verem que isso tudo é realmente verdade, já será tarde demais.


Os ABOMINÁVEIS: até acreditam que Deus existe, mas ODEIAM tudo que se refere à Deus, à Bília e à igreja. Não suportam quando alguém lhes convida para ir à igreja, por exemplo.
Xingam os cristãos, generalizam, rotulam e debocham de quem procura seguir a Bíblia. Esses Deus abomina e avisa que irão para o Inferno quando morrerem.

Os ADÚLTEROS: pessoas que cometeram adultério e que vivem em um relacionamento fruto de adultério essas pessoas são rejeitadas perante o Senhor.

Os FEITICEIROS: são os que lidam com bruxaria, magia em geral, ocultismo, todos os tipos de espiritismo, umbanda, candomblé, invocação de entidades, invocação de mortos... etc.
Deus abomina essas práticas e avisa claramente na bíblia que pessoas que acreditam e/ou praticam esses tipos de crenças irão para o inferno.
Tem outro texto que Deus fala abertamente que abomina o espiritismo: Deuteronômio 18:9-12


Os IDÓLATRAS: são os que adoram algo ou alguém além de Deus e Jesus... No texto Deus alerta que irão para o inferno.
São Pessoas até bem intencionadas, mas que tem imagens de santo dentro de casa, que rezam para Maria, São Jorge ou qualquer outra pessoa, entidade ou santo que não seja Deus ou Jesus. Deus é enfático nesse ponto e não reparte sua divindade com ninguém... ele abomina idolatria.
Também podem ser pessoas que adoram coisas acima até mesmo de Deus, como pessoas avarentas, por exemplo.
Eles amam o dinheiro acima de tudo... são idólatras.
Pessoas que idolatram o próprio corpo, fazendo diversas cirurgias e passando horas na academia por exemplo... tb são idólatras.


Os MENTIROSOS: Deus abomina a mentira.... quem costuma mentir, se parece com o diabo aos olhos de Deus... pois é isso que ele mais fez (e ainda faz) na história da humanidade.
"Vós tendes por pai ao diabo, e quereis satisfazer os desejos de vosso pai. 
Ele foi homicida desde o princípio, e não se firmou na verdade, porque não há verdade nele. 
Quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso, e pai da mentira."
João 8:44

O texto a seguir repete algumas práticas e acrescenta outras a "lista", para fechar as 15 características de pessoas que, se não se arrependerem e abandonarem suas iniquidades ainda em vida, irão para o inferno:

"Não erreis: nem os devassos, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os sodomitas, nem os ladrões, nem os avarentos, nem os bêbados, nem os maldizentes, nem os roubadores herdarão o reino de Deus.
E é o que alguns têm sido; mas haveis sido lavados, santificados, justificados em nome do Senhor Jesus, e pelo Espírito do nosso Deus.
Todas as coisas me são lícitas, mas nem todas as coisas convêm."
1 Coríntios 6:10-12

Segue aqui mais características de pessoas que irão para o inferno:
Os DEVASSOS: quem é pervertido, malicioso em excesso... que gosta de luxúria e depravação. Inclui quem gosta de assistir vídeos pornográficos, e se interessa por esse tipo de conteúdo.
Deus abomina tudo isso e pessoas que praticam ou desejam essas coisas irão para o inferno, caso nunca se arrependam e abandonem essas práticas ainda em vida.
Repetiu Idólatras, repetiu adúlteros... (que foi citado acima)

Os EFEMINADOS: São o que hoje em dia a sociedade chama "carinhosamente" de LGBT e todo o universo que abrange... homens que querem ser mulheres, ou agir como mulheres, ou ter praticas sexuais como se fossem mulheres, abrindo mão da condição original que Deus deu à ele. Vale para homens e mulheres. Leiam Romanos 1:21-31. Pessoas que optam por viver relacionamentos homossexuais e que estimulam ideologias GAYS, de acordo com o que Deus refere na bíblia, irão para o Inferno.
SODOMITAS: São Homens (que não são efeminados) mas que mantêm relações sexuais "ativamente" com outros homens.
Enquadra tb pessoas que praticam sexo de maneira não convencional ou não consensual.... os estupradores, os pedófilos, pessoas que fazem sexo com animais, pessoas que gostam e participam de orgias...
Deus destruiu as cidades de Sodoma e Gomorra com uma chuva de fogo (considere meteoritos, se preferir) porque seus moradores eram depravados sexualmente e Deus detesta e abomina essas práticas. Atualmente o mundo está assim novamente... e novamente passarão pelo juízo de Deus.

LADRÕES: Pessoas que roubam e desfalcam outras pessoas, empresas, instituições... etc. Não existe justificativa para o roubo. Pobreza, necessidade e / ou cobiça não devem servir de desculpas para entrar em uma vida de roubos. O ladrão que morre em uma perseguição policial vai direto para o inferno, não se enganem!

AVARENTOS: pessoas que tem Apego demasiado ao dinheiro, que fazem qq coisa para enriquecer, e por isso tramam o mal alheio, pisam nas pessoas para subir na vida, enganam, trapaceiam, matam... enfim... de acordo com a bíblia avarentos não irão para o céu.
BÊBADOS: naquela época não existiam outras drogas alucinógenas que existem hoje... portanto além do alcoolismo propriamente dito, podemos considerar aqui pessoas que ingerem qualquer tipo de substância para se embriagar, ou com finalidade alucinógena, dopante, para ter prazer de forma artificial ou fugir da realidade (maconha, cocaína, crack, cigarro, bebidas alcoólicas em geral). 
Estando embriagado ou fora de si, a pessoa está propensa à muitos outros pecados (assassinatos, adultérios, estupros, violências domésticas...). Por isso Deus adverte que pessoas que ficam bêbadas e / ou chapadas irão para o inferno.



MALDIZENTES: São pessoas que levantam calúnias contra outras pessoas. Geram contendas e fazem com que os outros cometam pecados.
São os fofoqueiros que criam intrigas, que falam algo com o intuito de prejudicar ou desejar o mal de alguém.
O diabo usou pessoas assim ao acusar Jesus para que fosse crucificado (pois o diabo achava que a cruz seria o fim de Cristo).
ROUBADORES: Esse contexto aqui não é o mesmo que ladrão citado anteriormente... pois ladrão rouba coisas de outras pessoas. 
Roubadores que ele cita aqui são os que roubam à Deus.
Cristãos que frequentam as igrejas e os cultos, nunca contribuem com ofertas para ajudar na divulgação e na pregação do Reino de Deus, mas gastam com jogos de azar, festas, bebedeiras e outras coisas banais sem se preocuparem com as coisas de DEUS. 
Se refere também à alguns Pastores que se tornam gananciosos... que desviam ofertas, que colocam a mão no dinheiro que deveria ser empregado na obra de Deus, na ajuda aos necessitados e na pregação do evangelho... para utilizar em benefício e enriquecimento próprio, ostentando carros importados e correntes de ouro. Quem roubar à Deus irá para o inferno, não importa o "cargo" na igreja.


Só a verdade liberta!!

Não se enganem, quem vive de qualquer jeito e fazendo apenas o que quer e bem entende da vida não verá à Deus!!

Quem quiser uma coroa de glória nos céus, tem que primeiro carregar a cruz aqui nessa terra, abrindo mão de certos prazeres e vontades para agradar ao nosso Pai que está nos céus.

Todos temos pecados e precisamos reconhecer Jesus como Salvador, mas temos que reconhecer que somos pecadores e pedir ajuda de Deus para abandonar o pecado e andar em santidade... pois Deus não compactua com as nossas iniquidades e no dia do juízo teremos TODOS que dar conta à Deus.


O evangelho é o Poder de Deus!

Paz

Por Leonardo Souza